8 contas do Instagram para seguir!
1 Comentário

O Instagram passou a ser uma das ferramentas mais importantes para acompanhar as novidades do mundo dos bares! Aproveite que gastou um belo dinheiro nesse aparelhinho e faça bom proveito dele!
Conheça as 8 contas do Brasil que você deve assinar pra ficar por dentro da coquetelaria atual!

@mixologynews | PRATA DA CASA!

Sim, você tem que seguir nossa conta. O Mixology News está presente na maioria dos eventos de bar do Brasil, cobrindo todas as informações em primeira mão para você. Além de bebidas inusitadas deste país, lançamentos de bebidas e campeonatos de coquetelaria.

mixologynews.instagram


@cocktailchannel |NOVIDADES NO YOUTUBE E NO INSTAGRAM

A Cocktail Channel é uma plataforma virtual para o mundo de bar criada por Ricardo Fuenzalida, o Puma, e Diogo Brum. Lá eles informam tudo o que estão gravando e publicando no canal do youtube deles. Entrevista com bartenders, receitas novas e muito mais. Não perca.

cocktailchannel.instagram


@tonyharion | COCKTAIL AMBASSADOR 

Tony é uma das figuras mais cativantes da coquetelaria brasileira atualmente por motivos óbvios. É mineiro(quem não gosta), é uma das pessoas que mais contribuíram com a produção de conteúdo para bar nos últimos tempos e está antenado com tudo que acontece no mundo inteiro.

tonyharion.instagram


@alexriococktail | BARTENDER E PESQUISADOR

Alex Mesquita é bartender do Paris Bar, no Rio de Janeiro. É um grande pesquisador da coquetelaria e amante das bebidas. No ramo a mais de 15 anos,é uma das personalidade de bar a se seguir para aprender mais sobre coquetéis clássicos e artesanais.alexmesquita.instagram


@oadegadosake | SAKES E BOM HUMOR 

Pode chegar na loja e chamar pelo Adegão que logo surgirá uma figura nipônica enorme com voz grossa e um coração enorme pra te explicar tudo sobre a bebida nacional japonesa. Só se lembre de comprar algo afinal aquilo é uma loja. E não vende-se sushis. Até a visita, acompanhe o mundo do sakes pela conta do instagram.oadegadesake.instagram

@bartendingnotes | COCKTAIL LOVER

Thiago Barbosa é bartender mineiro da Ducktails  e aficcionado por coquetelaria. Foi o último campeão da etapa mineira do VLR2014 e divide no seu instagram receitas, dicas e tudo o que ele está fazendo atrás do bar. Vale a pena uma visita!

bartendingnotes.instagram


@fflisboa | Sobre cachorros e coquetéis

Fernando Lisboa é bartender paulistano e amante de cachorros e um bom rock and roll. Junto com Jean Ponce, acabam de lançar a VII, coquetéis engarrafados. Se você gosta de cães, tragos e rock, é o seu perfil!fernandolisboa.instagram
@mapadacachaca | MAPEANDO AS CACHAÇAS DO NOSSO BRASIL

O Mapa da Cachaça é um dos projetos independentes mais relevantes do mercado de bebidas atualmente. Felipe Januzzi e sua equipe são responsáveis por mapear o país em busca dos alambique de cachaça e nos informar pelo site. No instagram, acompanhamos onde eles estão na hora exata. Imperdível!

mapadacachaca.instagram

Porque eu escolhi a cachaça Leblon?
2 Comentários

delarocheEm primeira mão, antes do anúncio oficial da marca ao mercado de bebidas, gostaria de anunciar à você, leitor do Mixology News que a partir deste janeiro tenho uma nova missão na coquetelaria brasileira.
.
Fui convidado pela Cachaça Leblon para ser o mixologista global da marca, num projeto maravilhoso que se iniciará nesse ano e que espero que me acompanhe por muito tempo.
E com muito prazer, aceitei o convite.
.
Por isso, gostaria de dividir com vocês os motivos que me fizeram acreditar nesse projeto.
Aguardo os comentários de vocês. Obrigado.
.

1 | EU AMO CACHAÇA E ACREDITO NA COQUETELARIA BRASILEIRA

Sim, eu amo cachaça.
Amo também meu país, meu povo e minha tradição.
Amo minha cultura e os ingredientes que são tipicamente naturais à essa região.
E é por isso que eu acredito na Coquetelaria Brasileira.
.
Se você que me lê agora já frequenta este site a mais tempo, sabe que nos últimos quatro anos meu foco tem sido ajudar a desenvolver e consolidar a coquetelaria brasileira como maior missão dessa geração de bartenders.

Assim foi em 2012 quando à convite do evento Paladar Cozinha do Brasil, palestrei sobre Mixologia Brasileira – Entre o Paladar e o Coração do nosso povo.
Em 2012, o evento Mentes Brilhantes teve como tema central a Coquetelaria Brasileira.
Assim foi quando em 2013 à convite da Virada Cultural SP palestrei sobre Cachaça – Como criar drinques com o destilado brasileiro.
Entre 2013 e 2015, a convite do evento O Mercado, produzi barracas de Coquetelaria Brasileira em todas as edições da feira de rua mais famosa do Brasil.
Assim foi quando ainda em 2013 palestrei em São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Salvador e Minas gerais no Clube do Barman realizado pela Pernod Ricard com o tema de Mixologia Brasileira.

Também em 2013, à convite do evento Noitada Nacional realizado pelo Mapa da Cachaça, palestrei sobre Mixologia Brasileira.
Em 2014, abri o Casa Café, meu bar em Pinheiros, para celebrar os hábitos e cultura brasileira, numa casa que tem como foco a coquetelaria brasileira.
.
É por esse histórico profundamente ligado ao desejo de ver a cachaça e coquetelaria brasileira em alta que eu me sinto honrado em participar deste belo projeto de Leblon.dml.vista

2 | LEBLON PLANTA, COLHE, DESTILA E ARMAZENA 100% DA SUA CACHAÇA

Localizada em Patos de Minas, no conhecido Alto Paraíba, em Minas Gerais a Leblon é responsável por 100% do produto que envasa. Isso lhe garante total controle e qualidade no líquido, desde o plantio da cana, nos seus 10 hectares de de canaviais até o engarrafamento. O resultado é uma cachaça de alambique de altíssima qualidade.
.
Detalhes importantes para uma cachaça de qualidade começam bem antes, por exemplo, na decisão em cortar todas as canas no facão e fazer limpeza do campo sem usar fogo.

Poder cortar as próprias canas e em menos de meia hora entregá-las à destilaria, onde serão prontamente moídas é algo que poucas marcas podem garantir e que faz uma grande diferença.

Armazenar a cachaça em barrís de carvalho francês, mais suaves por já serem utilizados em cognac garantem uma maciez característica de Maison Leblon em todos seus produtos.

canavial.DML

3 | LEBLON POSSUI UM TIME DE PRIMEIRA PARA PRODUZIR E DISTRIBUIR CACHAÇA

Quer vencer? Jogue com vencedores. Simples assim.
Esses e outras figuras são importantíssimas no dia a dia de Leblon.

Steve Luttmann
é o CEO Global de Leblon. Já morou no Brasil e sua família é americana-brasileira. É formado em finanças e foi nomeado como uma dos 100 principais profissionais de marketing em 1997, além de ter passagens pela Unilever e LVMH antes de fundar a Leblon.

Gilles Merlet
, uma lenda viva na França. Um dos master distillers mais reconhecidos de todo o mundo, é especialista em cognacs e possui uma destilaria própria onde produz seu conhecido licor Merlet desde 1988. À convite de Steve, assumiu todo o desenvolvimento de Leblon e assina a cachaça envelhecida Signature Merlet.

Carlos Oliveira é diretor de operações da DML Destilaria Maison Leblon, em Patos de Minas e uma das figuras mais interessantes e importantes no processo de qualidade da cachaça Leblon.

Uma das três maiores distribuidoras de bebidas do país, a Bacardi do Brasil responsável pelas vendas e por garantir que Leblon seja vendida em mais de 100 cidades no país, fazendo com que a ideia de que Leblon seja uma bebida apenas para exportação seja uma grande injustiça.
.
E cá entre nós, que coisa cafona achar que bebida boa é bebida pra exportação, já deu né?

alambique.cobre

4 | LEBLON ME RESPEITA COMO CONSUMIDOR DESDE 2009 ATÉ HOJE

Desde 2009 tenho contato direto com a marca, através de mecanismos de “sac” e email diretamente com funcionários da marca. Sou um consumidor que usa com rigor o meu direito de me manifestar. Por vezes, escrevia à gerente de marketing no Brasil e sempre fui prontamente respondido.
.
Me recordo de em 2009 ter entrado em contato com a marca para coletar informações mais precisas do produto e fui atendido. Então, em 2013 entrei e contato com a diretora de marketing para manifestar meu descontentamento sobre um posicionamento da marca e em poucos dias a questão foi resolvida. Ainda esse ano, mais exatamente esse mês, enviei um email diretamente para o CEO da Leblon, Steve para me manifestar novamente sobre uma questão. Lá estava a marca, na figura de Steve me atendendo como um consumidor final.
.
Por esse motivo Leblon tem meu total respeito, que foi historicamente comprovado.
Nada, nada é mais importante do que um marca que escuta seus clientes.armazenamento.DML

5 | LEBLON É A ÚNICA MARCA DE QUALIDADE CAPAZ DE PROMOVER A CACHAÇA DE ALAMBIQUE NO MUNDO

Tente imaginar quantas cachaças você lembra pelo nome. 5 marcas? 10 marcas?
Num país que possui mais de 4 mil marcas de cachaça registradas (esqueça as sem registro!), é de se imaginar que a competitividade seja altíssima não? Infelizmente não. O mercado de cachaças é formado basicamente por produtores pequenos, com produção mínima e qualidade mediana, essa é a realidade.

São poucas as marcas que possuem volume médio de cachaça e qualidade alta. A maioria são produtores minúsculos, que sequer conseguem entregar o produto com constância na capital do seu estado.
Isso faz com que as empresas conhecidas como cachaças industriais (grande escala e baixa qualidade) possam vender um volume enorme de péssima qualidade no país. E infelizmente no exterior também.

É uma pena, mas ainda hoje, as 3 marcas de cachaça mais vendidas no mundo são cachaças que sequer tomaríamos aqui no Brasil. Vendidas a preço de ouro, diga-se de passagem. E é essa a imagem que passamos pro mundo e que temos que mudar com urgência. Somos muito mais do que isso.

Graças à um produto de altíssima qualidade, uma constância e compromisso na produção e o ótimo modelo comercial e distribuição me fazem acreditar que se existe hoje no Brasil uma marca de cachaça capaz de entregar o produto e a mensagem de uma cachaça de alambique de alta qualidade, essa marca se chama Leblon.

.
6 | LEBLON NÃO É A MELHOR CACHAÇA DO MUNDO, EXATAMENTE PORQUE NÃO EXISTE UMA MELHOR CACHAÇA DO MUNDO.

Garanto a vocês, nunca direi que Leblon é a melhor cachaça do mundo. Dizer isso é desonestidade.
.
Unicamente porque não existe uma melhor cachaça do mundo. E quem quer que desejar te dizer isso, desconfie.
São mais de 4.000 cachaças, com sabores diferentes, terroir e processos de fermentação e destilação diferentes, envelhecimento em madeiras e tempos diferentes. O universo da cachaça é complexo e extenso.
.
Existe sim, a combinação de a cachaça mais acessível, com custo benefício mais interessante, com qualidade alcoólica melhor, com sabores mais agradáveis e com uma memória afetiva mais presente.
.
E sim, se me perguntarei, no conjunto da obra e das qualidades presentes, qual é a cachaça que mais me agrada, ela se chama é Leblon.cachaça.DML

7 | LEBLON É A CACHAÇA PERFEITA PARA A MIXOLOGIA

Leblon é uma cachaça branca, com descanso de 4 a 6 meses em barril de carvalho francês usado. A combinação de uma cachaça macia em repouso no carvalho francês nos traz notas deliciosas de baunilha, frutado e de especiarias além do frescor da cana, é claro.

Para a mixologia, um produto como esse é ideal para a alta complexidade sem chamar atenção demais, como outros produtos trazem consigo.

A partir desse mês, eu dividirei aqui no Mixology News uma série de receitas para provar que a cachaça merece estar nos drinques muito além da nossa deliciosa caipirinha. Aguarde!

 

Convido você a conhecer no vídeo abaixo a Destilaria Maison Leblon para entender mais sobre a marca.

delaroche.rodape

 

Passa essa cerveja ai!
Comente!

Pedir uma cerveja nunca mais será a mesma coisa a partir de agora!

passmeabeer

Não tem o que falar, tem que ver o que esses dois malucos estão fazendo.

E pelo que parece está virando uma série, olha só o segundo vídeo da dupla Hey, Pass Me A Beer.
Agora, não vá estragar a sua cerveja nessa brincadeira…!

Página 1 de 2221234567»