Muitos drinques levam cereja na sua decoração.
Mas será que estamos trocando gato por lebre?

Uma das grandes lendas urbanas dos bares deste país é que as cerejas que usamos no bar são feitas de Chuchu.
Será que isso é verdade? Como poderíamos não perceber, já que são duas coisas tão diferentes uma da outra.

Mas é exatamente isso. Caso você não fique atento ao pedir ou comprar suas cerejas, poderá comprar e servir gato por lebre.

A vulgarmente Chuchureja é feita a partir de pequenas bolinhas de chuchu que foram embebidos em açúcar, corante e saborizantes. Saiba mais abaixo.Nem toda cereja em calda é chuchu, é preciso ler os rótulos.

É importante ficar atento. Apenas as cerejas que contém os dizeres “em Calda” e “sabor Maraschino” podem ser feitas com matéria prima de chuchu. Existem muitas cerejas verdadeiras no mercado, é só procurar pelo título Cereja Maraschino. Sem mais nem menos.

A entrada do chuchu foi uma maneira que as padarias encontraram para fazer uma Redução de Custo das cerejas que usava-se nos bolos e doces em geral.

Um quilo de cereja custa por volta de 50 reais, já um quilo de chuchu custa aproximadamente 3 reais.

Cereja Maraschino

Maraschino, a variedade de cereja marasca

A cereja de verdade se chama Prunus Avium, tem origem asiática e possui alta concentração de vitaminas A,B e C. A mais famosa de todas é a também conhecida como Cereja Maraschino (ou marrasquino em português).

Esse nome vem do próprio licor Maraschino, feito com cerejas marascas há mais de duzentos anos na região que hoje se chama Croácia. A marca mais famosa, a italiana Luxardo é utilizada em diversos coquetéis clássicos, como o Last Word e o Martinez.

Quem vender chuchu por cereja está correndo um belíssimo risco de pagar até 3 milhões de reais de multa e de 1 ano de detenção de acordo com o Dep. de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério da Justiça.

A Resolução da Anvisa que determina a aplicação de frutas em caldas ou compota é do distante ano de 1978, ou seja, num mundo muito distante do que vivemos atualmente.

 

 

Produzindo seu Chuchureja

Mas como se faz um chuchu virar “cereja”?

1 – Cozinhe o chuchu por aproximadamente 10 min. Espete com um garfo para ver se está “al dente”.
2 – Com um boleador , faça algumas bolinhas e reserve.
3 – Para deixar o chuchu “com casca de cereja” coloque as bolinhas em uma panela com água com cal virgem culinário ou bicarbonato de sódio.
4 – Assim que ferver, desligue e aguarde 3 horas.
5 – Em uma panela com calda quente de groselha, coloque as bolinhas e deixe em fogo médio.
6 –  Com o tempo, as bolinhas ganharão peso e descerão ao fundo da panela. Nesse momento, retire-as da pa

nela.
7 – Desligue o fogo e coloque 400 g de açúcar na calda e aguarde até ferver.
8 – Então, coloque novamente as bolinhas e desligue o fogo.
8 – Acrescente 300 ml de licor Maraschino assim que a calda esfriar.

Receita de Cereja ao Marachino

Que tal aprender a fazer sua Cereja ao Maraschino?

A verdadeira Cereja ao Maraschino é feita com pequenas cerejas que crescem na Croácia, mas também no norte da Itália, Eslovênia e sul da Hungria. Mas, nós podemos fazer nosso “tipo Maraschino” usando cerejas e dando nosso toque pessoal.

200 g de cerejas frescas
150 ml de água mineral
400 ml de licor de Marasquino
150 ml de vermute tinto
20 ml de xarope de amêndoas
40 ml de suco de limão tahiti
350 g de açúcar refinado
1 pitada de sal marinho

1 – Lave bem as cerejas. (Opcional, tirar o caroço)
2 – Numa panela média, coloque o açúcar, o sal e a água.
3 – Cozinhe em fogo médio até que os sólidos se dissolvam. Então desligue o fogo.
4 – Acrescente o suco de limão coado, xarope de amêndoas, vermute tinto e licor Maraschino.
5 – Em um pote hermético, coloque as cerejas e cubra com o líquido.
6 – Após resfriar em temperatura ambiente e coloque na geladeira e reserve por até 3 meses.