Se você já começou a cansar do Negroni, o drinque que invadiu os bares do mundo inteiro nos últimos anos, experimente essas oito variações e renova sua paixão

Um dos clássicos de maior sucesso na última década, o Negroni, tomou a cena da coquetelaria mundial e naturalmente começa a ver sua posição ser tomada pelo Gin Tônica, outro drinque que tem ganhado grande destaque. Porém, nem só de Negroni vive um bom bebedor. Para isso, separamos oito variações de Negroni para você pedir nos bares e continuar curtindo a sua experiência. Acompanhe abaixo.

Milano-Torino
Muitos acreditam que o Milano-Torino tenha sido criado por Gaspare Campari, proprietário do Caffe Campanarino, em Milão, por volta de 1860. O que importa é que o bitter seja de Milão e o vermute tinto de Torino. A história da sua criação se confunde com a do Americano, receita na sequência. 40 ml de bitter italiano 40 ml de vermute tinto Em um copo longo com cubos de gelo, coloque as duas bebidas, mexa bem e finalize com uma rodela de laranja bahia.negroni
Americano
Ao contrário do que se imagina, o Americano não veio do Negroni, mas do clássico Milano-Torino, apenas bitter italiano de Milão e vermute rosso de Turim. Turistas americanos encontraram uma maneira de refrescar a receita, extremamente herbal, adicionando água gaseificada. Simples assim. 40 ml de bitter italiano 40 ml de vermute tinto 80 ml de água com gás Em um copo longo com cubos de gelo, coloque as duas bebidas, mexa bem e complete com água com gás. Mexa novamente, finalize com uma rodela de grapefruit.americano
Negroni Sbagliato
Sbagliato significa algo como Errado, uma explicação para o coquetel que nasceu de um erro que deu certo. Seu nascimento data da década de 80 em Milão, Itália. 30 ml de bitter italiano 30 ml de vermute tinto 80 ml de prosecco Em um taça de vinho (ou um copo longo) com cubos de gelo, coloque o bitter italiano, vermute tinto e mexa bem. Finalize com prosecco, mexa levemente e coloque uma meia lua de laranja na taça.sbagliato
Boulevardier
O livro Barflies and Cocktails, escrito por Harry McElhone em 1927, sugere que o drinque tenha sido criado por Harry para Erskinne Gwynne. Erskinne era editor de um jornal mensal chamado The Boulevardier. 30 ml de bourbon whiskey 30 ml de bitter italiano 30 ml de vermute tinto Em um mixing glass coloque 8 cubos pequenos de gelo, todos os ingredientes e mexa bem por 10 segundos. Coe para um copo baixo com um cubos de gelo. Finalize com um zest flambado de laranja.boulevardier
White Negroni
Em 2001, o mixologista Wayne Collins criou a receita para o lançamento de Plymouth Gin nos EUA, junto com o vermute seco Lillet e o bitter francês Suze. Em 2003, o mixologista Simon Ford, promovendo a receita, colocou no cardápio do Pegu Club, em NY o transformando num sucesso. 40 ml de gin 30 ml de Lillet Blanc 20 ml de Suze Em um mixing glass com cubos de gelo, coloque todos os ingredientes e mexa por 10 segundos. Coe para um copo baixo com cubos de gelo e finalize com um zest de limão siciliano.white negroni
Kingston
É um coquetel moderno, criado pelo bartender Joaquín Simo, em 2013, para oPouring Ribbons. O Kingston é uma variação natural do Negroni com rum envelhecido no lugar do gin. 30 ml de rum appleton state (ou outro rum jamaicano) 30 ml de bitter italiano 30 ml de vermute tinto Em um mixing glass com cubos de gelo, coloque todos os ingredientes e mexa por 10 segundos. Coe para um copo baixo com cubos de gelo e finalize com um twist de laranja bahia.negroni
Cardinale
O drinque Cardinale é cheio de mistérios na data da sua criação, mas acredita-se que tenha sido criado no Hotel Excelsior em Roma ou Harry’s Bar de Veneza por volta da década de 30 ou 40. 30 ml de gin 30 ml de bitter italiano 30 ml de vermute seco Em um mixing glass com cubos de gelo, coloque todos os ingredientes e mexa por 10 segundos. Coe para um copo baixo com cubos de gelo e finalize com um twist de limão siciliano.Cardinale
Old Pal
Encontrado na edição de 1922 do Harry’s ABC of Cocktails, é comumente servido com vermute tinto, porém ele passa a ser muito similar a um Boulevardier. A escolha, caso o cliente preferir pode ser feita, mas essa versão é a original. 45 ml de bourbon whiskey 30 ml de bitter italiano 30 ml de vermute seco Em um mixing glass com cubos de gelo, coloque todos os ingredientes e mexa por 10 segundos. Coe para uma taça coupé gelada e finalize com um zest de limão siciliano.negroni