Conheça a receita do Mary Pickford, coquetel que homenageia a grande atriz canadense

mary pickford Em um período em que Charlie Chaplin reinava nas telonas de Hollywood, a atriz Mary Pickford era a grande atriz da época. Por conta do seu grande sucesso ela recebeu a homenagem em forma de drinque. Juntamente com o El Presidente este coquetel era o mais famoso de sua época na ilha de Cuba. Durante a Proibição Americana Cuba se transformou no destino alcoólico favorito dos estadunidenses.

No início da década de 1920 a atriz Mary Pickford, celebridade do cinema mudo, visitou a ilha e recebeu um coquetel em sua homenagem. O primeiro registro deste coquetel está no livro de 1928 “When it’s cocktail time in Cuba” do jornalista Basil Woon. O livro indica que este coquetel foi um dos mais pedidos no país, ao lado do “aristocrático” El Presidente.

O livro descreve o coquetel como 2/3 suco de abacaxi, 1/3 rum claro e um toque de grenadine e dá a autoria ao bartender Fred Kaufman. Contudo, diversas outras referências creditam o coquetel ao bartender Eddie Woelke, que também leva a fama do notório El Presidente. O icônico The Savoy Cocktail Book de 1930 altera um pouco a receita dada por Woon e acrescenta licor maraschino. Embora esta versão seja a atual do coquetel, a inegável fama desta bebida fez com que ela fosse registrada na versão de 1924 do Manuel del Cantinero de John Escalante, contudo o livro cubano indica o destilado base como gin!

O livro de coquetéis do bar La Florida de 1935 confirma que a versão popular e final do coquetel é com rum, abacaxi, grenadine e licor maraschino. Já a disputa sobre o bartender que inventou este coquetel fica no ar! O fato é que o Mary Pickford Cocktail é um coquetel tropical delicioso, extremamente frutado e fresco. Não há excessos de dulçor e tem uma complexidade impressionante. Uma versão refinada e primitiva do que viriam a ser os Fruit Martinis da década de 1990, como o famoso French Martini.

O suco de abacaxi fresco é essencial para a receita e é brilhantemente complementado pelas notas amendoadas e florais do licor maraschino. Maraschino é um licor feito da destilação de cerejas azedas (Maraska) infusionadas em álcool neutro, é um produto pouco frutado e muito floral, diferente de licores de cereja tradicionais, como o usado no Blood & Sand. A combinação simples de rum branco com abacaxi e grenadine com o amendoado licor maraschino é extremamente agradável. Pode-se pensar em comparar com algumas elegantes versões de Daiquiri. Apresento agora uma receita com medidas para este delicioso clássico esquecido.

Aprenda a Receita
mary pickford 1

Mary Pickford

60 ml de rum branco

45 ml de suco de abacaxi fresco

05 ml de grenadine (xarope de romã)

6 gotas de  licor maraschino

Bata todos os ingredientes com gelo e coe para taça previamente resfriada. Decore com cereja de boa qualidade. Compartilhe o seu coquetel com a tag #DrinqueDoBau e deixe seu comentário abaixo.

Conheça outros Drinques do Baú esquecidos no tempo aqui