Conheça a receita do Paper Plane, criada pelo bartender Sam Ross em 2009

Um dos maiores nomes da coquetelaria australiana, Sam Ross fez sua carreira e história na capital da coquetelaria mundial, Nova York. Foi lá que esteve à frente da barra de bares míticos como Mik & Honey, Pegu Club e Little Brunch se tornando assim uma autoridade dos bares.

Agora, à frente do Attaboy, e junto com seu par no Milk & Honey, Michael McIlroy, criaram um ambiente intimista numa pequena rua do East Village, com formato semelhante ao M&H, sem cardápio fixo. Sam Ross também é responsável pela criação do Penicillin Cocktail, seu maior clássico, e considerado totalmente necessário numa lista de maiores clássicos modernos, que combina scotch whisky, suco de limão siciliano, mel e gengibre. O drinque Paper Plane recebeu esse nome por conta do hit homônimo da cantora britânica M.I.A. e sim, você pode relembrá-lo aqui.

Já o drinque é uma combinação fácil e prática de partes iguais de bourbon, Aperol, Amaro Nonino e suco de limão siciliano. As notas do Aperol, levemente amargas e frutada de grapefruit combinadas com o herbal e floral do Amaro Nonino dão um toque especial a essa receita. E como todos os bons clássicos, são simples e de fácil assimilação.

Aprenda a Receita

22 ml de bourbon whiskey

22 ml de Aperol

22 ml de Amaro Nonino

22 ml de suco de limão siciliano fresco

Em uma coqueteleira com cubos de gelo, coloque todos os ingredientes e bata vigorosamente. Sirva em uma taça coupé previamente gelada e finalize com um zest de limão siciliano.paper plane